Sábado, 20 de Outubro de 2018

Buscar   OK
Brasil
Publicada em 07/01/18 às 06:15h - 54 visualizações
Brasileiro preso na Venezuela é libertado e expulso do país
Brasileiro preso na Venezuela é libertado e expulso do país

PORTAL RADIO SAT BRASIL DE NOTICIAS


fonte:correiobraziliense  (Foto: PORTAL RADIO SAT BRASIL DE NOTICIAS)

Itamaraty foi avisado neste sábado (6/1) pelo governo venezuelano de que Jonatan Moisés Diniz foi colocado em um voo para Miami.

O brasileiro Jonatan Moisés Diniz, que estava preso na Venezuela, foi expulso neste sábado (6/1) para os Estados Unidos. O Ministério das Relações Exteriores do Brasil afirmou ter recebido informações preliminares do governo venezuelano de que o rapaz de 31 anos já teria embarcado em um voo para Miami. Ainda não há a confirmação, contudo, de que ele tenha chegado aos EUA. A família do jovem foi avisada.
 
 
A libertação de Jonatan foi confirmada pelo ministro das Relações Exteriores, Aloysio Nunes. Por meio do Twitter, ele disse que o "incidente" envolvendo o jovem foi encerrado com a "expulsão" dele da Venezuela.
 
 

Em 26 de dezembro, Jonatan fez o último contato com a família. No dia seguinte, o militar e político venezuelano Diosdado Cabello anunciou em seu programa de televisão que o brasileiro teria sido detido pelo governo do país vizinho. 

Desde então, o Itamaraty tem buscado informações sobre a situação de Jonatan junto ao governo da Venezuela. Porém, apenas nessa sexta-feira (5/1) veio a confirmação de que o brasileiro estava, de fato, preso. Segundo o Ministério das Relações Exteriores venezuelano, o rapaz estava detido em um edifício de segurança em Caracas, "em um bom estado de saúde".

Após a confirmação da prisão, o Itamaraty afirmou, em nota, que tentava conseguir uma autorização para fazer uma visita consular ao cidadão brasileiro, "o que poderia ocorrer nas próximas horas" Além disso, a pasta disse estar em contato com a família de Jonatan para informá-la sobre a situação do rapaz.

Jonatan seria membro de uma ONG filantrópica que atua na Venezuela. No entanto, após o anúncio de sua prisão, o deputado chavista acusou a entidade de atuar, na prática, como uma "organização criminosa com tentáculos internacionais".

Os governos brasileiro e venezuelano estão em crise diplomática desde a semana passada, quando o embaixador do Brasil em Caracas foi declarado persona non grata pela Assembleia Nacional Constituinte.



No Ar


Nenhuma programação cadastrada
para esse horário




Hora Certa
(61)99547-5134

Publicidade Lateral



Classificados
 
Estatísticas
Visitas: 191949 Usuários Online: 19


Parceiros




PORTAL RADIO SAT BRASIL. É DO GRUPO PUBLICIDADE JOAQUIM NETO
Copyright (c) 2018 - PORTAL RADIO SAT BRASIL DE NOTICIAS - Todos os direitos reservados